Sample Sidebar Module

This is a sample module published to the sidebar_top position, using the -sidebar module class suffix. There is also a sidebar_bottom position below the menu.

Chicoteca
Rosil do Brasil

Suingue, Forró e Chamego - Chico Salles é um cabra atrevido do Chabocão, no sertão do Rio do Peixe, lá de onde fui vindo. Um dos ídolos dele, como meu, como de qualquer nordestino, ou melhor, brasileiro que aprecie suingue, forró e chamego é Jackson Pandeiro. Pois então!

Sérgio Samba Sampaio

Sérgio Sampaio passou pela música brasileira preso ao rabo de um cometa. Foi como um raio. Talvez uns imaginaram tê-lo visto. Outros nem lembram. Parece que não era o seu tempo e Sérgio vive num futuro para aparecer vez ou outra na passagem do cometa. 

O Bicho Pega

Masculina, o baião que abre o CD O Bicho Pega – o quinto CD do compositor e poeta Chico Salles – em parceria com Edu Krieger, já dá o mote: aí vem um álbum recheado de poesia popular e música pé-de-serra, com produção de José Milton, participações de Raimundo Fagner e Alfredo Del Penho e lançamento pela Som Livre.

Tá no Sangue e no Suor

Este disco é o resultado das andanças deste paraibano carioca que soube agregar a pura tradição nordestina ao tempero carioca.

Forrozando

O CD Forrozando, como o próprio nome diz, é todo dedicado ao gênero. Lançado pela Special Discos, selo de Robertinho do Recife, e produzido por José Milton, que, só para citar alguns dos seus trabalhos, produziu os discos dos Irmãos Caymmi (Para Dorival, 90 Anos) e dos sanfoneiros Dominguinhos, Sivuca e Oswaldinho (Cada Um Belisca Um Pouco).

Chico Salles by Livio Campos
Obrigado por visitar meu blog!
Por favor, retorne sempre para ler novidades!

 
Citações Chicosalleanas: 

♦   “A vida é feita de pedaços, de mistérios e essências,
     quem ficar no mesmo passo atrofia a existência”.

♦   “Minha estrada é longa, mas minha esperança é maior”.

♦   “Câncer, antes nunca do que tarde”.

♦   “Não tenho pressa, mas não estou parado”.

 
 

Chico Salles Perfil

Chico Salles by Livio Campos

Chico Salles

"Nordestino Carioca"

Sou cantador, violeiro, forrozeiro,
Cordelista brasileiro e assim bem Paraíba
Sou operário, milionário sem tostão,
Busco na inspiração vez por outra ser escriba.

Vou por aí, relembrando o mestre Lua,
Cantarolando nas ruas, becos vielas e guetos,
Com a sanfona, o triângulo e a zabumba,
Tocando xaxado e rumba, xote e baião nos coretos.

No boteco, no teatro, na esquina,
Na poeira na neblina, fazendo a festa do povo,
Aqui na praça de graça, ou lá na lona,
De Metrô ou de carona, amanhã volto de novo.

Chico Salles Logo

Login